Associação Ijuiense de Proteção ao Ambiente Natural (Aipan) passou a integrar a Comissão Organizadora da Rede Estadual de Pontos de Cultura. A nova composição, para o biênio 2020-2021, foi definida em plenária do 9º Fórum dos Pontos de Cultura do Rio Grande do Sul, realizado no dia 30 de novembro, em Porto Alegre. A associada Vera Lúcia Silva, que participou do evento como delegada, é a representante da AIPAN na Comissão. Também participou do Fórum, a associada Regina Ribeiro.

Composta por dois representantes da Região Metropolitana de Porto Alegre e dois suplentes, e, quatro representantes do interior do estado com mais quatro suplentes, a comissão tem como responsabilidade promover a articulação dos Pontos de Cultura e implementar a Lei 14.663, de dezembro de 2014 que cria a Política Estadual de Cultura Viva. Conforme analisa Vera, além das responsabilidades assumidas junto ao grande grupo, a participação da Aipan é um reconhecimento de sua atuação enquanto Ponto de Cultura.

“A tônica de nosso debate no Fórum foi a importância de atuar como rede, o foco não é o recurso em si e sim o trabalho de valorização, de inclusão e reconhecimento da cultura em suas diversas expressões e construções, inclusive a ambiental, como é o caso da Aipan que há mais de 46 anos desenvolve ações nessa área. Precisamos também de um maior envolvimento em Ijuí e regionalmente, há mais pontos de cultura e o objetivo é fortalecer essa rede”, argumenta a associada.

Sobre o 9º Fórum

Participaram do evento, 50 agentes culturais, de 31 Pontos de Cultura de 15 municípios, sendo três da Região Metropolitana e 12 do interior. A secretária estadual de Cultura, Beatriz Araújo; o diretor de Fomento, Rafael Balle; e; a assessora de Culturas Populares, Tradição e Folclore, Maria Marques; também estiveram presentes no Fórum, além dos conselheiros estaduais de Cultura Plínio Mósca e Moreno Barrios. Durante o Fórum, o trabalho esteve focado em duas frentes: uma sobre políticas públicas, com ênfase na efetivação e consolidação de Lei Cultura Viva; outra, na busca de fomento de fomento para realização de atividades de produção e difusão da cultura.

Sobre a Rede de Pontos de Cultura 

A Rede de Pontos de Cultura é organizada em âmbito nacional e tem mais de 3,5 mil Pontos dos quais cerca de 200 são gaúchos. No Rio Grande do Sul, há pontos de cultura conveniados diretamente com o Ministério da Cultura (MinC), com os municípios, com o Grupo Hospitalar Conceição (GHC), Pontões de Cultura e, mais recentemente, conveniados com a Secretaria de Cultura do RS, através do edital lançado em 2012, como é o caso da Aipan. Ijuí conta com mais um Ponto de Cultura, o “Cultura para Todos” que atua com teatro, circo, dança e música. 

Esta grande rede se organiza, tanto de forma orgânica, formando vínculos afetivos e parcerias, quanto de forma sistemática, por meio de Ações e Grupos Temático, Comissões Estaduais e a Comissão Nacional dos Pontos de Cultura – CNPdC.