A Unijuí optou por manter em 2021 a possibilidade de realização de aulas remotas nos cursos de Mestrado e Doutorado. Assim, as atividades acadêmicas dos cursos de pós-graduação stricto sensu da Unijuí, no decorrer do ano de 2021, poderão ser realizadas de forma remota ou presencial, respeitadas as orientações dos órgãos de saúde, em virtude da situação de pandemia do coronavírus (COVID-19). Em caso de retomada das aulas presenciais, o estudante poderá optar em realizar as atividades de forma presencial ou online, utilizando tecnologias de informação e comunicação. As aulas realizadas de forma remota serão síncronas, conforme cronograma do curso.

A decisão está amparada nas diretrizes do Conselho Nacional de Educação (CNE), que estendeu a permissão de atividades remotas para o ensino básico e superior, público e particular, até o fim de 2021. O texto, que foi aprovado por unanimidade, passará ainda pela homologação do Ministério da Educação. O documento amplia as normas excepcionais de atendimento educacional por causa da Covid-19. Com isso, o prazo de vigência passa para um ano a mais que o período de duração do decreto federal que estabeleceu a calamidade pública por causa do coronavírus. Medida vale para a educação básica e superior. Universidades e faculdades, públicas e particulares, poderão reorganizar seus currículos e estarão liberadas para substituir todas as aulas presenciais por atividades não presenciais até o final de 2021.

Seleção

A seleção aos Programas, que até o final deste mês de novembro ainda estão recebendo inscrições, também vai ocorrer de forma remota, sendo que cada um dos programas organiza o seu processo de acordo com suas especificidades. Confira as propostas de cada Programa:

Educação nas Ciências 

O Programa busca desenvolver pesquisas e produção de conhecimentos na área da educação que contribuam para a formação de educadores, o desenvolvimento de currículos e a gestão do sistema escolar. Além disso, o Programa busca investigar as formas de organização e os propósitos das instituições e das atividades educacionais inscritas nas sociedades contemporâneas, tais como os movimentos sociais e as organizações cooperativas. É credenciado pela CAPES/MEC, desde 1995, para oferta de Mestrado Acadêmico e desde 2009, para oferta de Doutorado. Confira os detalhes na página do Programa, neste link. 

Desenvolvimento Regional 

Tem por objetivo a geração de conhecimento e de produção científica a partir da pesquisa, visando à formação e ao aprimoramento de docentes e outros profissionais para o exercício de atividades de pesquisa, extensão, ensino, assessoria e consultoria, qualificados para atuação na área das Ciências Sociais Aplicadas, em organizações públicas, privadas e da sociedade civil, tendo a interdisciplinaridade como referência metodológica e como temática os diversos aspectos que envolvem planejamento, gestão e inovação, na perspectiva da sustentabilidade do desenvolvimento regional. Busca a compreensão das dinâmicas de desenvolvimento por meio da reflexão crítica e da busca de alternativas de intervenção nos processos de desenvolvimento de territórios socialmente construídos. Confira os detalhes na página do Programa, neste link. 

Modelagem Matemática e Computacional  

Tem como objetivo principal utilizar a modelagem matemática como temática fundamental em suas Dissertações e Teses, para a melhoria dos processos produtivos, em especial, no setor agroindustrial da região e do país, além da formação de profissionais nessa área para atuar no ensino superior e em empresas como docentes/pesquisadores e cientistas. Confira os detalhes na página do Programa, neste link. 

Direitos Humanos 

Em como objetivo a geração e a consolidação da pesquisa e da produção científica, por meio da formação de pesquisadores, de docentes e de outros profissionais qualificados para atuação na área do direito e afins, tendo como referência metodológica a interdisciplinaridade e como temática fundamental a questão do reconhecimento, institucionalização e proteção dos direitos humanos. Além disso, o Programa pretende intervir na realidade por meio da reflexão crítica e da busca de alternativas que possam contribuir para a maior consciência da centralidade dos direitos humanos, para as sociedades democráticas e para sua maior eficácia no interior dos Estados e na sociedade internacional. Confira os detalhes na página do Programa, neste link. 

Atenção Integral à Saúde 

É um projeto interinstitucional com característica interdisciplinar, em associação ampla entre a Universidade de Cruz Alta (UNICRUZ) e a Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul (UNIJUÍ). O Programa foi recomendado pela CAPES/MEC, em dezembro de 2013 e reconhecido pelo MEC, em setembro de 2014, para oferta de Mestrado Acadêmico, que teve início em maio de 2014. O Programa dedica-se à pesquisa e à produção de conhecimento no campo da Saúde, com ênfase em duas linhas: Processos saúde-doença-cuidado e Processos químicos e biológicos em saúde. Confira os detalhes na página do Programa, neste link. 

Sistemas Ambientais e Sustentabilidade 

Tem como objetivos formar pesquisadores com visão sistêmica e multidisciplinar capaz de compreender as inter-relações entre o ambiente, a sociedade e a tecnologia; participar de forma crítica e reflexiva no desenvolvimento regional, considerando os princípios e valores da sustentabilidade, gerando tecnologias apropriadas aos sistemas produtivos locais; promover a produção de conhecimentos na área do meio ambiente em geral, bem como, no campo do diagnóstico e da solução de problemas de interesse socioambiental.