(Foto: Divulgação ABPA)


Em meio à realização da Copa do Mundo, a Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA), em parceria com a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (ApexBrasil), iniciou uma campanha de promoção das exportações de carne de frango nas principais avenidas de Doha. Ao todo, 30 painéis foram espalhados pelas vias mais movimentadas da capital do país sede do Mundial.  

 

Com a mensagem “Frango Halal do Brasil: trazendo sabor e sustentabilidade para mais de 150 países. Experimente no Catar!”, escritas em árabe e em inglês, os painéis buscam reforçar a presença brasileira como principal fornecedor da proteína avícola, tanto para o mercado catari como para todo o mercado internacional islâmico. 

 

Maior exportador de carne de frango halal do planeta, o Brasil fornece aproximadamente 70% do produto consumido no Catar. Apenas entre janeiro e outubro deste ano, a nação islâmica importou 90,6 mil toneladas da proteína avícola brasileira, o que gerou receita de exportações superior a US$ 177,9 milhões para o país.

 

“A Copa é uma oportunidade única de fortalecimento de imagem. Para o nosso setor é ainda mais especial, diante do vínculo da imagem brasileira com o futebol e o fato de sermos o grande fornecedor de proteína animal para este mercado. Nesta Copa, o Brasil deve marcar gols muito além dos estádios, reforçando a posição de parceiro pela segurança alimentar das nações islâmicas”, ressalta o presidente da ABPA, Ricardo Santin.

 

Os painéis ficarão expostos em Doha até o dia 31 de dezembro deste ano. 


 

SOBRE A ABPA — A ABPA é a representação político-institucional da avicultura e da suinocultura do Brasil. Congrega mais de 140 empresas e entidades dos vários elos de aves e suínos do Brasil, responsáveis por uma pauta exportadora superior a US$ 8 bilhões. Sob a tutela da ABPA está a gestão, em parceria com a ApexBrasil, das cinco marcas setoriais das exportações brasileiras de aves, ovos e suínos: Brazilian Chicken, Brazilian Egg, Brazilian Breeders, Brazilian Pork e Brazilian Duck. Por meio das marcas setoriais, a ABPA promove ações especiais em mercados-alvo e divulga os diferenciais dos produtos avícolas e suinícolas do Brasil — como a qualidade, o status sanitário e a sustentabilidade da produção — e fomenta novos negócios para a cadeia exportadora de ovos, de material genético, de carne de frangos e de suínos.


 

SOBRE A APEXBRASIL — A Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (ApexBrasil) atua para promover os produtos e serviços brasileiros no exterior e atrair investimentos estrangeiros para setores estratégicos da economia brasileira. A agência realiza ações diversificadas de promoção comercial que visam promover as exportações e valorizar os produtos e serviços brasileiros no exterior, como missões prospectivas e comerciais, rodadas de negócios, apoio à participação de empresas brasileiras em grandes feiras internacionais, visitas de compradores estrangeiros e formadores de opinião para conhecer a estrutura produtiva brasileira, entre outras plataformas de negócios que também têm por objetivo fortalecer a marca Brasil. A ApexBrasil também atua de forma coordenada com atores públicos e privados para atrair investimentos estrangeiros diretos (IED) ao Brasil, com foco em setores estratégicos para o desenvolvimento da competitividade das empresas brasileiras e do país.


 

SOBRE AS MARCAS SETORIAIS — Os projetos setoriais Brazilian Chicken, Brazilian Egg, Brazilian Breeders, Brazilian Pork e Brazilian Duck são mantidos pela ABPA, em parceria com a ApexBrasil, com o objetivo de promover junto ao mercado internacional as carnes de frangos, suínos, ovos e material genético produzidos no Brasil. Por meio da participação em feiras, realização de workshops e outras ações especiais de promoção comercial, os projetos valorizam atributos destes setores produtivos como a qualidade, o status sanitário e a sustentabilidade da produção, e valorizam as marcas internacionais dos produtos, fomentando novos negócios para os exportadores brasileiros. Cerca de 45 empresas participam dos projetos atualmente. Informações sobre como fazer parte dos projetos setoriais podem ser obtidas pelo e-mail isis.sardella@abpa-br.org 

Fonte: Critério Resultado em Opinião Pública