Para quem acredita que “comer por dois” é a prática ideal para gestantes está muito enganado. Manter o equilíbrio para que a gestante e o bebê se desenvolvam de maneira adequada foi a orientação principal do nutricionista Vitor Buss em mais um módulo da 30ª edição do Clube da Gestante da Unimed Noroeste/RS. O encontro ocorreu nesta quarta-feira, 19, e contou também com explanação de enfermeiros sobre anestesia.

Nutrição materno-infantil - A alimentação saudável, hábito recomendado para toda vida, torna-se também essencial durante a gestação, uma vez que alguns nutrientes são importantes nesta fase e devem ser priorizados de modo que não ocorram carências para a gestante e o bebê. Neste contexto, Vitor Buss orientou sobre o consumo e as quantidades certas de alimentos que contenham ácido fólico, ferro, cálcio e fibras. Além disso, alertou para os perigos da ingestão em grande quantidade de sódio e açúcares. O nutricionista reforçou que uma alimentação saudável é possível através do “consumo de alimentos de forma equilibrada, respeitando a quantidade, variedade e preferência”. Alguns ajustes podem contribuir na redução de desconfortos comuns na gestação, como azia, náuseas, vômitos, constipação, entre outros sintomas.

A hidratação através da ingestão de água foi um dos aspectos reforçados pelo profissional. Além de contribuir com a saúde da gestante, favorece a amamentação. “O leite materno é a melhor opção para a criança”, frisou. Os benefícios para o bebê estão relacionados à redução do risco de infecção, prevenção de alergias, é prático, sem custos, nutri e hidrata. “A recomendação é que seja exclusivo até o sexto mês de vida, em livre demanda”, indicou o nutricionista, evidenciando a importância do núcleo familiar na fase do aleitamento, oferecendo apoio à mulher em períodos de angústias, dores e do retorno ao trabalho.

Anestesia – As condições da gestante e do bebê vão determinar o tipo de parto, se normal ou cesárea, a partir de uma decisão conjunta entre o casal e o obstetra. Para reduzir as angústias sobre o assunto, o Clube da Gestante proporcionou orientação com os enfermeiros André Ivan Dockorn e Michelle Camile Schuster, que explicaram sobre anestesia, em caso de método cirúrgico, e analgesia, nos casos de parto normal, as rotinas e posição para aplicação. Os profissionais atuam no Hospital Unimed Noroeste/RS.

Fonte: UNIMED