Selecionadas para visitação técnica à Feira Sial Paris 2018 serão anunciadas até o final de agosto


 

 

 

 






A expectativa de vários empreendedores gaúchos para participar da Missão Internacional à Feira Sial Paris 2018 vai além da busca por novidades. A maior feira europeia de lançamentos de produtos e tendências de alimentos e bebidas terá também uma programação planejada para o perfil dos pequenos negócios no Rio Grande do Sul. Através de edital, que pode ser acessado pelo link https://goo.gl/FSpKFj, o Sebrae RS vai selecionar até 10 empresas. A divulgação dos escolhidos para esta atividade deverá ocorrer até o final de agosto.

A Missão Internacional à Feira Sial 2018 ocorre entre os dias 19 e 27 de outubro. As empresas selecionadas pelo Sebrae RS farão parte da comitiva gaúcha liderada pela Federação das Indústrias do Rio Grande do Sul (Fiergs). Para ser integrante, elas devem ter sede no Estado e estar ligadas a atividades relacionadas às indústrias e agroindústrias de alimentos ou bebidas. Conforme as regras do edital do Sebrae RS, para as 10 marcas selecionadas, o apoio financeiro se dará com o pagamento de 30% dos custos do pacote de viagem, além do apoio técnico como a preparação das empresas para melhor aproveitarem o evento e acompanhamento para implementar melhorias no retorno da França.

Segundo o coordenador estadual de Alimentos e Bebidas do Sebrae RS, Roger Klafke, a Sial é um evento que chama a atenção por ser uma espécie de marco inicial de tendências. “A visitação à feira pode proporcionar ensinamentos valiosos, além da identificação de oportunidades junto aos fornecedores mais assediados no mundo”, comenta Klafke. O fato de ser internacional deixa o evento ainda mais atraente. “Para 2018, os organizadores anunciam 7 mil empresas de 109 países. Ou seja, para quem tem aspirações relacionadas a exportações, por exemplo, trata-se de uma porta de entrada relevante”, complementa o coordenador.

A ideia da missão com empresários gaúchos é também agendar visitações técnicas de interesse do grupo. Conhecer companhias que são referências na França, compreender a dinâmica do mercado, a cadeia produtiva e as relações de negócios que possam nos ensinar como melhorar o nosso cenário local é um dos objetivos da viagem. Para Klafke, a imersão no mercado europeu a partir da Sial é recomendada para empreendedores de pequenas indústrias que necessitam estar conectados com as novidades que inspiram o consumidor e que impactam vários elos da cadeia produtiva de alimentos e bebidas.

Para conhecer um pouco da Feira: https://www.sialparis.com.





Fonte: SEBRAE RS