Rádio Mundial

Notícia

30ª Jornada Sul-Brasileira de Dermatologia encerra com sucesso de público e oportunidade única de atualização profissional
unnamed (3)

O último dia de programação da 30ª Jornada Sul-Brasileira de Dermatologia iniciou com apresentações focadas em novidades que estão sendo destacadas na especialidade. Coordenada pelos Dr. Renan Bonamigo e Dra. Sylvia Schmidt, a conferência trouxe uma série de discussões de práticas e medicações que estão sendo desenvolvidas e aplicadas no dia-a-dia. A primeira apresentação, com a Dra. Cintia Pessin abordou novidades no tratamento da rosácea.

Após, a Dra. Vanessa Santos Cunha, trouxe detalhes dos nutracêuticos e cosmecêuticos. Ela destacou o papel desses produtos na promoção da saúde da pele e como eles estão se tornando cada vez mais populares entre os pacientes. Entre os destaques referidos pela especialista, estão os pré e probióticos tanto na forma oral quanto tópica, que demonstram benefícios significativos para a saúde da pele. Além disso, a discussão sobre o uso da coenzima Q10, do Whey Protein na pós-menopausa e da nicotinamida na prevenção de câncer de pele promete mudar o cenário dos cuidados dermatológicos.

Outra questão importante abordada foi o tratamento de verrugas recalcitrantes, um tópico abordado pelo Dr. André Costa Beber. Ele apresentou uma revisão das evidências de tratamento disponíveis.

“Certos indicativos são essenciais para identificar casos de verrugas chamadas recalcitrantes que merecem atenção especial. Entre eles, destacam-se verrugas que persistem por mais de 2 anos, lesões que se apresentam grandes, múltiplas e extensas, bem como aquelas localizadas em áreas de pele espessa, como palmas das mãos e plantas dos pés, além das regiões periungueais. Além disso, indivíduos imunossuprimidos devem estar atentos a essas manifestações cutâneas, uma vez que podem ser mais suscetíveis a complicações”, detalhou.

A Dra. Rachel Garcia trouxe luz ao tratamento do melasma, explorando o que realmente funciona para lidar com essa preocupação comum de pele e destacou algumas verdades incômodas, mas que precisam ser relatadas aos pacientes.

“O melasma não tem uma cura definitiva. Além disso, é fundamental evitar qualquer exposição solar sem proteção adequada, uma vez que o melasma é extremamente sensível à radiação UV. O uso rigoroso de protetor solar é fundamental para minimizar os danos do melasma. Portanto, o tratamento e a proteção devem ser mantidos 24 horas por dia, 7 dias por semana, durante todo o ano, para obter resultados eficazes no gerenciamento dessa condição dermatológica”, disse.

Finalizando a primeira parte do evento, com o Dr. Renan Bonamigo, abordou condições emergentes como Monkeypox, Dengue e Esporotricose. Essas doenças representam desafios crescentes para os dermatologistas e demandam abordagens inovadoras para diagnóstico e tratamento.

Pérolas Terapêuticas, Cirúrgicas e Cosmiátricas:

Na segunda metade da manhã, sob a coordenação das Dras. Juliana Kida Ikino e Analupe Weber, a atenção se voltou para as situações terapêuticas, cirúrgicas e cosmiátricas na dermatologia. O Dr. Renan Bonamigo mais uma vez compartilhou seu conhecimento, descrevendo práticas terapêuticas que podem aprimorar os resultados do tratamento dermatológico. O Dr. Wagner Bertolini destacou pérolas cirúrgicas, fornecendo informações cruciais sobre as melhores práticas cirúrgicas no campo da dermatologia. Finalmente, a Dra. Alessandra Romitti, de São Paulo, concentrou-se nas pérolas cosmiátricas, mostrando como a cosmiatria está se tornando uma parte cada vez mais importante do cuidado com a pele.

Também durante a a manhã de hoje, foi realizada Assembleia da Sociedade Brasileira de Dermatologia – Secção do Rio Grande do Sul (SBD-RS). A presidente da entidade, Rosemarie Mazzucco, conversou com membros da sociedade para aprovação do exercício financeiro e prestação de contas do último ano.

No Simpósio de Cosmiatria as médicas Flavia Rossato e Fernanda Freitag lideraram uma série de palestrantes que compartilharam seus conhecimentos na área. A Dra. Mayra Ianhez discutiu as infecções relacionadas aos preenchedores dérmicos, seguida pelo Dr. Mauricio de Quadros, que abordou o tratamento de casos de flacidez facial com o uso de injetáveis. A Dra. Mariele Bevilaqua trouxe insights valiosos sobre o tratamento de complicações vasculares. Na sequência, a Dra. Andréa Severa explorou o campo da biorremodelação tecidual, uma técnica em ascensão na área da cosmiatria. O Dr. Damiê de Villa encerrou o simpósio com uma reflexão sobre os tratamentos corporais e sua crescente importância, questionando se o corpo poderia ser considerado a “nova face.”

“Na antiguidade, as pessoas enfatizavam a nudez. Se dedicavam a treinamentos físicos para exibir não apenas o progresso em termos corporais, mas também reconheciam os benefícios psicológicos e espirituais do exercício. Hoje, entendemos que o treinamento não apenas aprimora a forma física, mas também promove o bem-estar mental e emocional. Vejam como isso remonta ao passado”, comentou.

O que há de novo em Cosmiatria

Sob a coordenação das médicas Dra. Mariana Barbato e Dra. Dóris Hexsel, o segundo bloco da tarde proporcionou uma visão aprofundada das inovações no campo da cosmiatria e dermatologia estética. A convidada Dra. Mariana Barbato abriu o simpósio, discutindo as mais recentes tecnologias para o rejuvenescimento facial e tratamento corporal. Em seguida, a Dra. Rachel Garcia explorou a questão da superioridade dos novos lasers em relação às tecnologias já estabelecidas.

Após, a Dra. Andreia Fogaça trouxe informações sobre as novas indicações dos fios de sustentação, enquanto a Dra. Taciana Dal Forno Dini abordou as inovações no tratamento da celulite e das estrias. O uso de toxina botulínica em microdoses e suas novas indicações foram o foco da apresentação da Dra. Dóris Hexsel.

No último segmento da programação, intitulado “International Masterclasses,” renomados especialistas em dermatologia compartilharam suas percepções e conhecimentos valiosos. Dra. Dóris Hexsel, uma destacada profissional da área, explorou a estética dermatológica e seu legado, ressaltando a influência de pioneiros no campo. Na sequência, a Dra. Cristiane Benvenuto, dos Estados Unidos, abordou a aplicação crescente de ferramentas tecnológicas e inteligência artificial no cotidiano do dermatologista, destacando como essas inovações estão transformando a prática clínica. Por fim, a Dra. Fotini Bageorgou, da Grécia, discutiu o papel dos exossomas na dermatologia, introduzindo uma perspectiva promissora no campo da medicina dermatológica.

Serviço

As atividades da 30ª Jornada Sul-Brasileira de Dermatologia, 48ª Jornada Gaúcha de Dermatologia e 5º Simpósio Gaúcho de Terapêutica Dermatológica e Imunobiológicos ocorreram nos dias 12, 13 e 14 de outubro, no Dall’Onder Grande Hotel, situado em Bento Gonçalves, RS. A iniciativa foi da Sociedade Brasileira de Dermatologia – Secção do Rio Grande do Sul (SBD-RS) com apoio das demais regionais do Sul e da SBD Nacional. Para mais informações visite o site oficial https://jornadasulbrasileiradermato.sbdrs.org.br/

Redação e coordenação: Marcelo Matusiak