Rádio Mundial

Notícia

Primeiro caso de dengue no Estado intensifica ações de prevenção em Ijuí
O primeiro caso de dengue registrado em 2014 no Rio Grande do Sul foi confirmado nesta quarta-feira, 15, em Gravataí. Com especulações de que o registro teria sido em Santa Rosa, a responsável pela Vigilância em Saúde daquele município, Mardiori Watthier, confirmou que a informação é equivocada, e que não há casos confirmados. De acordo com a Secretaria Estadual da Saúde (SES), em Gravataí, uma mulher contraiu a doença fora do Estado. Por ter acontecido no verão, período de maior proliferação do mosquito transmissor, a Vigilância Sanitária, juntamente com a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) de Ijuí intensifica as ações de prevenção e alerta.
 
Desde o início de janeiro, a SMS desenvolve novas ações em relação aos casos suspeitos de dengue no município. Segundo a secretária Municipal de Saúde, Alexandra Lentz, notificações de casos suspeitos, com histórico de viagem, estão tendo atenção especial, sendo aplicado inseticida no local da residência e nos quarteirões próximos. A medida foi adotada com a finalidade de impedir qualquer possibilidade de contaminação. Conforme Alexandra, “é necessário controlar a utilização do inseticida, pois ele ajuda a combater e a matar todo tipo de inseto, e isso pode, de alguma forma, ser prejudicial”.
 
Em dezembro de 2013, aconteceu um mutirão da saúde nos bairros de Ijuí. A ação de conscientização envolveu instituições e cerca de 400 pessoas. No mês de janeiro a atividade será realizada no Centro. Segundo Alexandra, serão distribuídos folders de orientação em pontos estratégicos da cidade. A secretária ainda destacou que com a possibilidade de um início de epidemia, devido às fortes chuvas e calor, todo cuidado é pouco. “Qualquer suspeita da doença, deve-se procurar orientação médica”, finaliza.
 
Fonte: Prefeitura de Ijuí

Data da publicação: 2014-01-17