Rádio Mundial

Notícia

SMMA inicia processo de monitoramento eletrônico de cães

A Secretaria Municipal de Meio Ambiente (SMMA) de Ijuí iniciou nesta quinta-feira, 15, o processo de identificação eletrônica de cães, através da implantação de micro-chips. Nessa primeira fase estão sendo colocados chips nos cachorros que estão abrigados no canil municipal. A iniciativa visa cumprir a lei municipal 5738/2013. 

Os equipamentos eletrônicos, que possuem o tamanho de um grão de arroz, são instalados embaixo da pele do cão, na altura do pescoço. O procedimento não dura um minuto e é feito com uma seringa. 

Para o secretário responsável pela SMMA, Valmir de Quadros, os animais que tiverem os micro-chips poderão ser monitorados em qualquer parte do mundo através da internet, já que no chip consta um número de código de barras. As informações que constam nos números poderão ser consultadas no site www.siraa.net. “Esse código será a chave para verificarmos o histórico de sanidade, a idade, e a identificação dos proprietários desses cães”, diz Quadros. 

Para o vice-prefeito, Bira Teixeira, o chip irá também ajudar a identificar os animais em caso de perda ou responsabilizar o dono em caso de abandono. “Como esse procedimento, teremos mais controle sobre a vida desses animais, além de conseguirmos responsabilizar os proprietários em caso de abandono, como aconteceu com muitos desses cães que hoje vivem no nosso canil”, afirma.

Para essa primeira fase do projeto, o Executivo ijuiense comprou, através de processo licitação, 500 chips. Atualmente estão disponíveis para adoção no canil municipal 76 cachorros. 

Fonte: Roberto Scheuer 

 

 

Data da publicação: 2013-08-16